sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

E o Globo de Ouro vai para...

Na noite do último domingo (11) a Associação da Imprensa Estrangeira de Hollywood anunciou os vencedores da 61ª edição do Globo de Ouro. Surpresas agradabilíssimas marcaram a cerimônia de entrega das estatuetas.

"Slumdog Millionaire" - Foto: divulgação

O destaque da festa foi para um longa independente que vem ganhando a crítica internacional e se sustentando como franco favorito ao Oscar. “Slumdog Millionaire”, filme que gira em torno de um jovem indiano analfabeto que vence um programa de perguntas e respostas, não só deixou para trás grandes produções, como “Frost/Nixon” e “O curioso caso de Benjamin Button”, como levou os quatro prêmios que disputava (melhor filme - drama, diretor, trilha sonora e roteiro adaptado). Assista ao trailer do promissor “Slumdog Millionaire” (Clique aqui).

Kate Winslet - Foto: Lucy Nicholson/ Reuters

A injustiçada Kate Winslet - indicada cinco vezes ao Globo de Ouro e outras cinco ao Oscar, mas nunca premiada - concorria em duas categorias (melhor atriz em filme dramático e melhor atriz coadjuvante em filme dramático). A jovem atriz inglesa “lavou a alma” ganhando logo os dois globos a que tinha direito. O primeiro pela performance como a acusada por crimes de guerra, Hanna Schmitz em “The Reader”, depois por April Wheeler, a dona de um lar esfacelado em “Revolutionary Road”. Veja o desconcerto de Kate ao se dar conta de que ganhara mais uma vez (Clique aqui).

Heath Ledger - Foto: divulgação

O globo de ouro de melhor ator foi para Mickey Rourke por “The Wrestler”, filme que marcou a volta do ator às telonas. Já o prêmio de ator coadjuvante foi concedido a Heath Ledger pela sua performance como Coringa em “Batman - O Cavaleiro das Trevas”. Morto há um ano, Ledger surpreendeu em seu último filme, sendo premiado por merecimento. Assista ao momento em que Christopher Nolan, diretor de Batman, recebe o prêmio. (Clique aqui).

"Waltz with Bashir" - Imagem: divulgação
A animação israelense “Waltz with Bashir” venceu na categoria melhor filme de língua estrangeira, desbancando o forte representante italiano, “Gomorra”, que não foi sequer lembrado na lista de pré-selecionado à disputa na mesma categoria no Oscar. Com o prêmio, Israel tem pretensões de levar não apenas a estatueta de melhor filme estrangeiro no Oscar, mas também a de melhor animação.

Mickey Rourke e Bruce Springsteen - Foto: HFPA

Na categoria “canção original”, “The Wrestler” de Bruce Springsteen saiu vencedora. A letra é a mais pura tradução dos sentimentos do lutador cheio de feridas internas interpretado por Mickey Rourke.

"John Adams" - Foto: divulgação

A premiação voltada para os melhores da TV estadunidense consagrou a bem sucedida minissérie “John Adams”, vencedora em quatro categorias - incluindo melhor minissérie ou filme produzido para a TV - e a série “30 Rock” ganhadora de três globos.

7 comentários:

disse...

Ainda não assisti muita coisa, mas pela critica parece que os prêmios foram merecidos.
Mas Mickey Rourke???
O homem ressuscitou e ganhou????
rsrs
Bem, acho que terei que conferir!

Abços

Jaqueline Amorim disse...

Passando para prestigiar seu blog e agradecer sua visita ao meu. Também concordo que o prêmio para Ledger foi mais do que merecido. Sua atuação foi brilhante, diria que, até melhor do que a atuação do Batman... :)

LETÍCIA CASTRO disse...

Oi, Dé! Tudo bom, meu amigão querido?

Puxa, que bom que a Kate finalmente ganhou, né? Sou fã dela desde Razão e Sensibilidade. Ela é linda e mega talentosa.

Estranho, né? O filme israelense ter passado na frente do Gomorra... Israel está com a bola cheia nos EUA, fica tudo mais compreensível. O lobby é forte.

Mas, agora, rumo ao Oscar! Fiquei curiosa em ouvir a música do Springsteen. Não gosto do estilo dele, fui a um show quando era adolescente, mas, como vc disse que representa bem o drama do personagem, me deu curiosidade.

Amei o texto e as fotos, tudo de primeira, como sempre.

Beijocas pra vc!

Kátia Regina de Brito disse...

Dereco,

Fiquei muito feliz de ver o Headh Leadger ganhar o prêmio, pois foi mais que merecido. Assisti o cavaleiro das trevas duas vezes e realmente ele interpretou o coringa de forma única. A produção dos próximos batmans terão trabalho!!!!
Texto ótimo!!
bj

Por Ricardo Cazarino disse...

Olá.
Destaco nessa premiação a atuação de Heath Ledger...fantástica.
Com certeza virá um Oscar tbm..abs

Fernanda disse...

Adorei o fato de Heath Ledger levado o prêmio! Tomaríssima que o Oscar venha também! Não é por peninha, é mais do que merecido. Estou supercuriosa em relação ao "Slumdog Millionaire". Será que desta vez o independente ganha o Oscar? Fortes emoções!!!

Rozangela disse...

Adorei esse blog, que delícia não vi as premiações e agora tive oportunidade...Parabéns!
Beijinhos!
http://cgfilmes.blogspot.com/

Melhor visualização com o navegador Mozilla Firefox