sábado, 4 de outubro de 2008

Sem Fronteiras nas Eleições 2008

ESPECIAL: Debate com blogueiros e internautas confirma tendências para BH

Por André Martins e Lucas Fernandes - editores Sem Fronteiras

Às vésperas da realização da quarta eleição municipal pós-era das urnas eletrônicas, a equipe Sem Fronteiras, com a colaboração dos alunos do 2º período de jornalismo do Uni-BH, Izabella Sales e Rafael Sandim, realizou neste sábado, um debate sobre o futuro político da capital mineira. A proposta baseou-se na linha que mantém-nos desde 07 de junho no ar: superar as fronteiras da informação, levando a você, caro internauta, o máximo de conteúdo, aliado a uma proposta jornalística inovadora.

O debate sobre os candidatos à prefeitura de Belo Horizonte contou com a participação de blogueiros e internautas, produtores de notícia ou simplesmente, pessoas cujas profissões circundam o eixo eleitoral. Deram o ar da graça, o jornalista Wander Veroni, do blog Café com Notícias, Revista Diário de Bordo e da Agência Avante; o estudante de direito da Novos Horizontes, Rodrigo Rocha; o recém-formado publicitário Renato Gomes, além do estudante de jornalismo e diagramador do Jornal Impressão, Matheus Laboissière, futuro webmaster.

O debate

A discussão de idéias marcada às 15h30min, começou meia hora mais tarde, após um “bate pronto” realizado com cada membro participante. As expectativas da equipe confirmaram-se. Ouve forte repúdio a Aliança por BH, idealizada por Aécio Neves (PSDB) e Fernando Pimentel (PT), governador e prefeito, respectivamente, e encabeçada pela figura de Marcio Lacerda (PSB). Wander contextualizou a questão, expondo acerca da notória perda de credibilidade, vinculada ao fato de partidos postos unirem-se em prol de uma candidatura única, o que abre precedentes para 2010.

O tempo destinado a cada candidato no horário eleitoral gratuito gerou polêmicas. Para Matheus e Rodrigo, o tempo dos candidatos deveria ser igual, seguindo os princípios da Constituição de 1988, que prega a igualdade de direitos e deveres. Para o bloguista do Café com Notícias, o tempo fora mal planejado por determinadas coligações, como de Jô Moraes (PC do B), Sérgio Miranda (PDT) e Vanessa Portugal (PSTU), que deveriam se unir (já que mantém ideologias mais próximas), ao invés de brigarem pela mesma causa.

Críticas também foram tecidas sobre o transporte belo-horizontino, caótico para todos os participantes, que concordaram ainda, quanto à implementação do metrô como a solução mais adequada à questão. Os postos de saúde e a escola plural não ficaram de fora da discussão e também receberam críticas. Contudo, a experiência política abriu alas para que os quatro debatedores afirmassem suas preocupações quanto à inabilidade do atual prefeito para com a sociedade e seus problemas.

A postura apagada de candidatos, como André Alves, que não compareceu a nenhum debate e a visão radical de Vanessa Portugal, que trabalha sua campanha, voltando-se ao operário e atribuindo o peso fardo de erros e desmazelos aos empresários incomodaram os quatro, que ainda ignoraram fatores como idade, sexo e tradição familiar, como pontos importantes para a escolha do futuro prefeito. “A Argentina elegeu uma mulher com esse pensamento, e não deu muito certo, não é? Acho que é irrelevante essa questão”, afirmou Rodrigo. Em contrapartida, Quintão (PMDB) surgiu com surpresa para parte do grupo, que considerou sagaz sua campanha.

Considerações e a opinião dos participantes

Rodrigo Rocha analisou a idéia e a iniciativa da equipe SF como “um ato de democracia, para o pleno exercício da cidadania”. O estudante de direito ainda exaltou o bom nível conseguido. Já Wander Veroni agradeceu ao espaço e o convite. Segundo ele participar desse debate, em muito contribuiu para pudéssemos (em referência aos envolvidos) absorver novas visões. Matheus também agradeceu o convite e enfatizou a importância de iniciativas como essa, considerada interessante por parte do diagramador.

Já o publicitário Renato Gomes parabenizou a todos pelo nível, respeito e objetividade alcançada em boa parte da discussão. Contudo, ele colocou à nossa equipe uma observação: “A proposta é um pouco desgastante, afinal tivemos um discussão sem blocos, necessária devido a disponibilidade de cada participante. Mas no geral é válida, importante e legal”.

Pesquisas de hoje

Marcio, Quintão e Jô - 1º, 2º e 3º, respectivamente

As pesquisas realizadas pelo Instituto DataFolha, encomendada pelo Jornal Folha de São Paulo e a Ibope, pelo Estadão e Globo, sintetizam bem o debate virtual realizado pelo Sem Fronteiras e traça um panorama interessante a respeito a reta final do primeiro turno em Belo Horizonte. Marcio Lacerda perdeu sua vantagem após os escândalos de abuso de poder, que envolvem ele, Aécio e Pimentel.

Jô vem em declínio absoluto, desde o início da campanha eleitoral e Quintão, apontado por muitos como o candidato conciliar para um segundo turno, sobe, e já reduz a diferença para Marcio entre cinco a sete pontos percentuais.

---------------------------------------------------------------

Agradecimentos: a todos os participantes, fundamentais para o funcionamento dessa proposta. Em especial para Wander Veroni, pelo sincero abraço enviado a esta equipe, via rádio, através do programa Rádio Vivo, de José Lino Barros, da Itatiaia.

Confira também: Café no Prêmio Peixe Grande e The Bobs 2008

5 comentários:

Wander Veroni disse...

Oi, equipe SFW!

Fico muito feliz pela maturidade do texto e de idéias de vcs. É muito bom ver pessoas como vcs apaixonadas pelo jornalismo e com tanto talento. Lembrem-se que jornalismo se faz em equipe.

Gostei muito de participar do debate. E mais ainda de ver a forma como vcs colocaram as respostas. O formato ficou muito atrativo, parabéns!

O abraço foi de coração! Vlw.

----------------
http://cafecomnoticias.blogspot.com

Wander Veroni disse...

Ah, já ia me esquecendo: linkei o SFW lá no café no post de amanhã! Não percam a cobertura especial do Café com Notícias! No sábado falei sobre a campnha de comunicação de cada político e hj é o hard news...hehehe.

Já votei em vcs no Prêmio Peixe Grande 2008.

Estamos juntos nessa!

----------------
http://cafecomnoticias.blogspot.com

Wander Veroni disse...

Amigos, obrigado pelo apoio ao Café com links para os concursos no qual o blog participa. Vlw mesmo. Abraço

Guilherme disse...

Rapazes, que bela iniciativa. Promover uma debate de idéias, acima de tudo, é um ato de exercício da cidadania.

Se ainda estivesse em Belo Horizonte e inteirado sobre os assuntos da capital mineira, pediria para participar das discussões.

Tenho asco pelo Lacerda, mensaleiro e laranja, pelo Quintão, que, segundo meus pais, utiliza-se de uma imagem de bom moço para agariar votos e, o que dizer sobre os outros então? Vi uns dois a três horários eleitorais gratuitos e não me convenci sobre a qualificação de boa parte dos candidatos à prefeitura.

Enfim, é isso! Aqui em Sampa, deu Marta e Kassab. Outra dupla fraca, a atacar-se mutuamente.

Abraços e até uma próxima vez. Parabéns a todos pela qualidade e pelas mudanças perceptíveis (ainda não tinha visto o novo layout - mais jovem e organizado que o anterior).

Renato Gomes disse...

Companheiros do Sem Fronteiras,

Primeiramente, gostaria de agradecer a oportunidade de ter participado do debate promovido sábado(4). Uma iniciativa única!

Bem, faço minhas às palavras do Wander. Parabéns pela maturidade do texto e por essa paixão para com o jornalismo. E fico feliz em ver que vocês foram francos, não escondendo nada, ou, privilegiando ninguém.

Parabéns rapazes!

Melhor visualização com o navegador Mozilla Firefox